Vereador Pastor Max recebe resposta positiva do governo sobre reformas das escolas da zona rural de Codó

vereador recebe retorno do governo

Esta semana o vereador Pastor Max recebeu retorno sobre suas indicações que reivindicavam ao governo municipal a reforma, ampliação e até mesmo reconstrução de escolas na zona rural de Codó. Durante a semana, o vereador continua seu trabalho de fiscalizador dos serviços que devem chegar a zona rural. O exemplo disso foram às visitas de trabalho que realizou em pleno feriado às comunidades Lagoa dos Sales, onde observou in loco a necessidade urgente de reforma do prédio da escola daquela localidade. O edil Também visitou a comunidade Centro dos Britos, cuja escola hoje funciona em um prédio alugado pelo município e o prédio anterior necessita praticamente de sua reconstrução.

 

Além de ser o mais antigo agente político do país é ele, o vereador, que é o principal intermediário entre o povo e o Poder Executivo, o mais próximo representante do povo, disponível para as queixas, pedidos e reivindicações. A missão do vereador é trabalhar pelo bem de toda a comunidade que representa e acompanhar de perto os acontecimentos da vida da comunidade. É daí que colhemos suas angústias e transformamos em indicações, requerimentos e projetos de Lei”, comentou Pastor Max.

 

Na localidade São Benedito do Mozart o parlamentar acompanhou os serviços de instalação dos postes para que a energia chegue a região, fiscalizando os serviços da empresa, que aplicou urgência na conclusão. O edil, como já comum em sua rotina de trabalho, também colheu as principais necessidades da comunidade tais como: melhorias das estradas da região, poços artesianos etc.

 

Resposta Positiva sobre as escolas

 

Esta semana o vereador também recebeu boa notícia para Codó. Max procurou junto ao governo municipal as devidas soluções que atendam os interesses da comunidade. Como resultado, o edil recebeu a resposta da Secretaria Municipal de Educação, através do Ofício nº 255/2017, contendo a lista de escolas da zona urbana e rural que serão reformadas e ampliadas no município. “Só gostaríamos que fosse feita uma correção, pois a Escola da localidade Centro dos Britos não está arrolada entre estas escolas e peço que a secretaria desta casa encaminhe ofício à secretária de educação para que faça a devida inclusão. Este era o primeiro registro que gostaria de fazer”, retificou.

 

Sobre o problema das denúncias levantadas nos últimos dias com a morte do paciente Carimam o vereador comentou: “Só quero aqui ressaltar que esta Casa não pode ficar omissa diante do assunto, se necessário for investigaremos as denúncias a fundo, para esclarecer o fato ao nosso povo. O certo é precisamos ter a disposição em discutir o assunto com abertura de mente, não com o interesse apenas em criar uma situação e sim com a maturidade necessária para resolvermos o problema definitivamente. É público e notório que precisamos melhorar, ninguém aqui está para tampar o sol com a peneira. E precisamos fazer isso porque tem a ver com o propósito para o qual fomos escolhidos. Por isso peço que a comissão de saúde acompanhe de perto o caso e procure saber as razões que levaram a essa situação”.

 

Ascom

Deixe o seu comentário